fevereiro 25, 2016

Mil Folhas em Massa de Lasanha

A matemática é uma boa amiga na hora de se criar uma receita. Certo, mas eu sempre fui péssima em matemática! Nem sei de onde tirei essa ideia maluca…. hahahaha
Em cálculo me safo, com a calculadora ao lado, claro! ­čÖé Mas foi assim que cheguei a esta receita que ficou uma noite inteira roubando o meu sono. Numa equação de massas, o resultado foi inacreditável. Ou seja, eu tinha a certeza absoluta de que iria para a cozinha fazer asneira, o que não tinha muito sentido, mas a curiosidade falou mais alto e tentar seria engraçado, para depois rir de mim mesma e relembrar os tantos de 0,0 que levava nos exames de matemática na escola.
E assim foi, ou quase assim. A ideia era fazer um mil folhas e substituir a massa folhadas por outra. Entre X e Y a massa de lasanha apareceu como resposta final. What?!!!! Mas isso vai ficar …ecaaaaa!!! As risadas vieram sim, quando provei a tal sobremesa matemática. O resultado foi totalmente oposto ao que imaginava, ficou super original e deliciosa! A massa frita em azeite fica crocante e, ao juntar com um chantilly batido no ponto certo, ganha um formato gourmet, aí sim, fica inacreditável!
Ingredientes para 4 unidades:
6 folhas de lasanha crua
azeite para fritar Oliveira da Serra
200 ml de natas
5 colheres de sopa de açúcar
framboesas e amorar q.b
açúcar em pó para polvilhar
Demorei 15 minutos para confeccionar os quatro mil folhas. Comecei pelo chantilly. Bati as natas em velocidade alta e fui acrescentando o açúcar. Para conseguir um creme com picos moles é preciso um pouco de paciência e atenção, para não passar do ponto. Uns três minutinhos batendo e você tem um chantilly delicioso!

Enquanto terminava esse processo, aqueci o azeite numa pequena frigideira. Usei Oliveira da Serra por duas razões: é suave para fritar e dá um tempero especial. Cortei as folhas de lasanha pela metade e uma a uma, fritei. O ponto certo para retirá-las da frigideira é este que mostro na foto, quando a massa estiver repleta de bolhas. Enxuguei levemente com papel de gordura e reservei.

A linha de montagem é muito simples:
1) Lasanha
2) Duas colheradas de sopa de chantilly bem espalhadas no meio da massa.
3) Amoras por cima.
4) Mais uma folha,
5) Chantilly, framboesas e muito açúcar em pó para polvilhar.
…. Voilá, receita pronta!
Se quiserem enriquecer um pouco mais esta sobremesa, experimentem adicionar ao lado, uma bola de gelado de natas com folhas de manjericão por cima. Vamos provar? Bon Appetit!

Deixe uma resposta

O seu endere├žo de e-mail n├úo ser├í publicado. Campos obrigat├│rios s├úo marcados com *